terça-feira, 28 de novembro de 2017

O Vegetariano e a Proteína

Depois que decidi ser vegetariana, já ouvi várias pessoas falando que eu ia ficar fraca, doente, sem proteínas, não ia ter uma dieta saudável, e muitas outras coisas. Bem, claramente essas pessoas que me disseram isso não eram nutricionistas, e a maioria delas não possuíam uma alimentação saudável ou balanceada. Então, para ajudar essas pessoas, e outras que possam ter a mesma dúvida, trouxe algumas informações sobre proteínas para vocês. No final do texto estarão as principais fontes de onde tirei as informações.

O que são proteínas? 
"Proteínas são macromoléculas presentes nas células de praticamente todo o corpo humano. Elas são responsáveis por inúmeras funções, como o crescimento de unhas e cabelos, a reposição da pele e a construção de músculos.
As proteínas são compostas por uma sequência de aminoácidos, sendo que alguns podem ser sintetizados pelo organismo e outros precisam ser fornecidos via alimentação."
Fonte: http://vegnews.com/
Quais são os benefícios da proteína para o corpo?
Existem inúmeros benefícios proporcionados pela proteína, dentre eles estão o ganho de massa muscular, regeneração das fibras musculares, produção de anticorpos, formação do colágeno (prevenindo rugas e marcas de expressão), equilíbrio hormonal, entre muitos outros.

Quais os alimentos em que posso encontrar proteínas?
Existe um mito que somente alimentos de origem animal possuem proteínas. Porém, existem proteínas de origem vegetal. Aqui estão alguns dos alimentos, além de carne, frango, peixe e ovo que você pode encontrar proteína.
Fonte: https://juscelita.wordpress.com/2016/04/04/fontes-de-proteinas-vegetais/
1. Leguminosas, como grão-de-bico, todos os tipos de feijões, ervilha, lentilha, soja e favas: são ótimas fontes de proteína vegetal, vitaminas e minerais, como o ferro.
2. Tofu: obtido a partir da soja fermentada, é rico em proteínas e minerais, como cálcio, fósforo e magnésio.
3. Sementes de chia, linhaça, girassol, gergelim: fornecem boas quantidades de proteína, ômega-3 e vitaminas do complexo B. O gergelim é também excelente fonte de cálcio.
4. Cereais integrais, como o arroz, aveia, amaranto, trigo, quinoa, centeio: assim como as leguminosas, são boas fontes de proteína vegetal, fornecem vitaminas do complexo B, ferro e fibras.
5. Verduras de folhas verde-escuro, como couve, brócolis, escarola, rúcula e agrião são ricas em ferro.
6. Oleaginosas: castanhas, amêndoas, nozes, avelãs e macadâmias.

Enfim, se somente a carne fosse fonte suficiente de proteínas para o corpo humano, não se faria necessário a procura de suplementos alimentares, como os suplementos que a maioria das pessoas em busca de massa muscular tomam.

Você sabia dessas informações? O que achou? Possui uma dieta rica em proteínas? Deixe sua opinião nos comentários :)

Fontes:
http://querosaude.com.br/proteinas-beneficios-onde-encontrar/
https://www.tuasaude.com/beneficios-das-proteinas/
http://www.mundoboaforma.com.br/quais-sao-os-alimentos-que-substituem-a-carne/
https://www.natue.com.br/natuelife/alimentos-que-substituem-a-carne-quais-sao.html

Tata.

sexta-feira, 24 de novembro de 2017

Vegetariana? Por quê?

Sim, sou vegetariana. Isso pode ser uma surpresa para muitos de vocês, principalmente para as pessoas que me conhecem. Mas essa mudança começou a um mês atrás, no dia 23 de outubro para ser mais exata. Estou a um mês sem comer carne!

Mas, por que eu decidi ser vegetariana? É sobre isso que eu vim falar para vocês.

Decidi vegetariana por diversos motivos. Um deles foi a minha saúde. Antes de ser vegetariana, eu não comia tantas verduras como hoje em dia, comia só feijão, arroz, carne e uma farofinha, e pra mim estava tudo bem, mas na verdade não estava. Vinha me sentindo sonolenta e pesada, e resolvi mudar minha alimentação.

Outro motivo foi por causa dos animais. Sim, a indústria pecuária é podre. Os animais são abusados e morrem em situações deploráveis, e eu não me sinto bem em fazer parte disso.

Como vocês devem saber, sou estudante de meteorologia, e acho que é meu dever fazer o que for possível para preservar o meio ambiente, e esse é mais um motivo. De acordo com o relatório da ONU de 2010, a indústria de carnes e laticínios é responsável pelo consumo de 70% da água doce do mundo, 38% do uso de terra e 19% das emissões de gases estufa. Segundo o mesmo relatório, uma mudança global para uma dieta vegana é vital para salvar o mundo da fome, pobreza de combustíveis e os piores impactos da mudança climáticas.

Fora que não preciso de carne para sobreviver, existem muitos alimentos que possuem as proteínas necessárias para uma dieta balanceada, como o grão de bico, feijão, tofu, soja, ervilha, arroz cozido, quinoa, entre muitos outros.

Meu próximo passo é me tornar vegana, mas quero me adaptar à dieta vegetariana primeiro e, assim que me sentir segura, vou entrar na dieta vegana (ou seja, além da carne não comerei derivados de animais, como ovo e leite)! E quando entrar finalmente na dieta, farei outra postagem com os motivos pelo qual quero ser vegana :)

Me digam, o que acham dessa dieta? Já pensaram em fazer? Fazem?

Tata.

segunda-feira, 20 de novembro de 2017

Resenha: Extraordinário

Não sei se isso vai virar um hábito aqui, espero que sim. Fazia muito tempo que eu não lia um livro, estava sempre muito ocupada com a faculdade. Mas, graças a uma disciplina optativa de produção textual (amém optativa), tive que reler um livro para fazer uma resenha crítica. Então, resolvi aproveitar e fazer uma mini resenha para vocês. Espero que gostem.
Extraordinário é um romance escrito por Raquel Jaramillo, usando o pseudônimo R. J. Palacio. Publicada em 14 de fevereiro de 2012, conta a história de August Pullman, um garoto que sofre da síndrome de Treacher Collins, uma síndrome genética que causa uma severa deformidade facial. Por conta de sua síndrome que o causou diversas complicações médicas, Auggie, como também é conhecido, nunca frequentou uma escola de verdade. Prestes a começar o quinto ano em um colégio particular de Nova York, Auggie tem uma missão nada fácil pela frente: convencer os colegas de que, apesar da aparência diferente, ele é um menino comum como todos os outros. O livro Extraordinário é dividido em oito partes, e cada uma delas é narrada da perspectiva de Auggie ou de algum de seus familiares e amigos.

O livro começa com Auggie falando um pouco de si mesmo, e dizendo que sua aparência não é muito comum. Ele fala sobre sua infância, e como se acostumou a conviver com os olhares das pessoas. Quando seus pais decidem matriculá-lo na escola, August não fica muito feliz com a ideia, mas depois de uma conversa, aceita e resolve tentar. Sua adaptação não é nada fácil, muitas pessoas ainda não tinham visto seu rosto, e por várias semanas ele tem de lidar com os olhares assustados. Na escola, ele faz amigos como o Jack Will e a Summer, e conhece pessoas não tão legais assim, como o Julian. O livro também mostra a história na visão de  Olívia, também chamada de Via, sua irmã, que teve que amadurecer cedo por conta da síndrome do irmão, e mostra como ela tem que lidar dia a dia com isso. Também conhecemos a perspectiva de Jack Will, Summer, Justin (namorado de Via) e Miranda (amiga de Via).

Extraordinário é um livro fascinante, de leitura fácil, rápida e leve, que flui naturalmente e nos faz refletir ao final de cada página. Os personagens nos cativam, e conseguimos conhecer um a um. O livro cumpre seu papel quando nos faz pensar nas nossas vidas, e como não damos importância aos detalhes maravilhosos e simples da vida. Nos passa uma mensagem sobre amizade e gentileza. Uma obra emocionante, que nos ensina muito sobre a vida e que deveria ser lido por crianças e adultos, independente da idade. 

Você já leu esse livro? O que achou?
Tata.

sexta-feira, 10 de novembro de 2017

Gostaria de uma xícara de chá?

Quem me segue no Instagram sabe que eu gosto bastante de chá. Desenvolvi esse hábito, e sempre que posso estou tomando uma xícara de chá. Por isso, trouxe para vocês alguns dos benefícios de 3 chás que eu sempre tento tomar.
1. Chá de Erva Cidreira

  • Te ajuda a dormir muito melhor, pois as folhas da erva cidreira possuem propriedades relaxantes;
  • Ajuda no combate dos gases;
  • Alivia cólicas intestinais e menstruais;
  • Ajuda na prevenção de graves distúrbios renais;
  • Melhora e alivia a tosse;
  • Diminui consideravelmente as dores de cabeça;
  • Promove o bem estar e também a tranquilidade, por ter poder calmante;
  • Combate a retenção de líquidos;
  • Ajuda a limpar, a revigorar e também a cicatrizar a pele.

2. Chá de Camomila

  • Diminui a hiperatividade;
  • Proporciona relaxamento, pois é um calmante natural;
  • Auxilia no combate ao estresse e ansiedade;
  • Combate problemas no estômago, controla má digestão e trata úlceras no estômago;
  • Alivia enjoos;
  • Reduz cólicas menstruais;
  • Auxilia no tratamento de inflamações e feridas;
  • Alivia dores de cabeça;
  • Serve como anti-inflamatório natural; 
  • Remove as impurezas da pele.

3. Chá Verde

  • Estimula a queima de gordura;
  • Auxilia no controle do peso;
  • Ajuda na prevenção da diabetes;
  • Reduz o risco de doenças cardiovasculares; 
  • Auxilia no funcionamento do cérebro;
  • Ajuda na prevenção do câncer;
  • Pode evitar doenças como o Parkinson e o Alzheimer.

E aí? Gostaria de uma xícara de chá?

Tata.

terça-feira, 7 de novembro de 2017

Resenha: Alta Moda - Liss Extreme

Meus pais compraram um shampoo e condicionador Alta Moda da linha Liss Extreme, e eu resolvi testar e trazer minha opinião sobre esses produtos para vocês.
Descrição do produto: Para cabelos lisos e alisados que possuem uma estrutura fragilizada e que se partem facilmente. RECOMENDAÇÃO PROFISSIONAL: Recarga de Keratina e Aminoácidos porque são ativos essenciais ao fortalecimento de toda estrutura do fio. Criam filme protetor contra as agressões do calor (pranchas e secadores) e da umidade que frizz os fios. Disponível no formato de 300 ml.

O que eu achei do produto?
Shampoo: tem uma cor perolada transparente, é aguado, não faz tanta espuma, mas a gente tem uma sensação de limpeza logo quando usamos.
Condicionador: é cremoso mas não tanto assim, e quando você passa parece que sempre precisa de mais, você não sente como se estivesse passado o necessário. Mas depois do enxágue dá para desembaraçar o cabelo tranquilamente e você sente que ele cumpriu seu papel.

Deixo sempre meu cabelo secar ao natural, e percebi que ele ficou bem soltinho e liso. Eu gostei bastante do shampoo e do condicionador, mas acho que existem melhores por aí. Creio que tenha um resultado melhor em quem alisa os cabelos e usam secador.
São dois bons produtos, porém não utilizaria por tanto tempo. Se fosse dar uma nota, seria 3/5.

Você consegue encontrar a dupla por um preço médio de 27 reais.
Pela última pesquisa que eu fiz, o Grupo Alfaparf não faz teste em animais e nem utiliza produtos de origem animal.
P.S.: Produtos comprados por mim.

Vocês já usaram esses produtos? Recomendariam?
Tata.

sexta-feira, 3 de novembro de 2017

Óleo de Argan e seus benefícios

Quando fiz luzes, meu cabelo ficou todo estragadinho. Eu passava o pente e parecia que eu estava penteando palha de tão seco e quebrado que ele estava. Então ouvi falar em óleo de argan e resolvi procurar mais sobre ele e testar.
Foto retirada do site: http://www.diamondherbs.co/

O verdadeiro óleo de argan é extraído de um fruto que nasce na árvore argan spinosa. Essa árvore existe apenas no deserto de Marrocos, e pode viver até 200 anos. Segundo alguns estudos são necessários  cerca de 100 kg de sementes para se obter apenas 1 litro do produto. Por isso que o óleo de argan é tão caro, já que ele é conhecido também como o ouro liquido da região.

O óleo de argan tem ação de regeneração total dos cabelos. Ele hidrata totalmente os cabelos e os deixa com um aspecto bastante saudável. Traz sedosidade, maciez, brilho, maleabilidade e reduz o frizz, formando uma película protetora sob o fio. Ele também possui benefícios para a pele e existem vários produtos feitos com o óleo de argan!

Apesar de todos os benefícios, ele não deve ser utilizado em excesso ou próximo à raiz, podendo causar entupimento dos folículos capilares. Deve-se aplicar da metade do comprimento para baixo.

Eu uso o reparador e o finalizador de óleo de argan da Bio Instinto cerca de duas vezes por semana, e minha máscara nutritiva também possui óleo de argan. Já usei toda a linha, adoro e quando eu usar novamente vou fazer uma resenha para vocês.

P.S.: Não sei se a Bio Instinto testam em animais, não encontrei informações sobre isso, mas essa linha não possui nenhum ingrediente de origem animal. 

P.S.2: Produto comprado por mim.

Vocês conheciam o óleo de argan? Usam? Indicam?

Tata.